Saiba os riscos de dirigir em alta velocidade

Os limites estabelecidos pelas sinalizações servem para preservar a segurança no trânsito, dirigir acima da velocidade permitida é um risco que ameaça a vida de todos.

Os limites de velocidade são determinados através da geometria e das condições das vias e estradas, da categoria dos veículos que nelas circulam, dos conflitos de tráfego no entorno, da passagem de pedestres e das características técnicas do local.

Nesses limites, são considerados o tempo e a velocidade segura para trafegar e frear, caso aconteça algo inesperado no trânsito.

A partir do ponto em que está localizada uma placa com um determinado limite de velocidade máxima, a aceleração deve ser controlada de acordo com a sinalização até que apareça uma outra placa com o valor diferente.

Quando não houver nenhuma sinalização de velocidade máxima, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) determina através do Art 61:

Nas vias urbanas

  • 30 km/h nas vias locais
  • 80 km/h nas vias de trânsito rápido
  • 60 km/h nas vias arteriais
  • 40 km/h nas vias coletoras

Nas estradas e rodovias de pista dupla

  • 110 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas
  • 90 km/h para os demais veículos

Nas estradas e rodovias de pista simples

  • 100 km/h para automóveis, camionetas e motocicletas
  • 90 km/h para os demais veículos

 

Os riscos do excesso de velocidade

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), um aumento de 5% na velocidade média, aumenta aproximadamente 10% os acidentes envolvendo lesões e de 20% a 30% as colisões letais. Ainda segundo a OMS, a chance de um pedestre adulto ir a óbito por um veículo a menos de 50km/h é de 20%. No entanto, o risco de fatalidade aumenta para 60% se o pedestre for atropelado a 80km/h.

 

Dirigir em alta velocidade diminui o tempo de reação, reduz a distância necessária para uma parada total e aumenta consideravelmente a chance de acidentes fatais.

 

Respeite as sinalizações.

Respeite a vida humana!

 

Facility na Semana Nacional do Trânsito.

#UnidosPelaVida

 

 

Gostou do nosso texto? Compartilhe nas suas redes sociais para que seus amigos também saibam os riscos de dirigir em alta velocidade.

 

2018-09-21T17:30:53+00:00