Modelos populares até 30, 40 e 50 mil reais

Possuir um carro próprio é algo que garante a independência e autonomia de uma pessoa. Com um veículo seu, você tem muito mais liberdade para fazer as coisas no seu próprio ritmo e sem depender do transporte público. No entanto, sabemos que no Brasil o carro não é algo barato. Por esse motivo, montamos esse artigo com algumas recomendações de modelos baratos e bons para você.

Até 30 mil reais

Existem modelos zero que podem ser encontrados na faixa de preço inferior a 30 mil reais, porém são poucos no mercado. Um exemplo é o Chery QQ Smile. Esse modelo produzido pela montadora chinesa em pode ser encontrado novo por um preço em torno de R$ 25.000,00. Possui um motor 3 cilindros 1.0, vem com vidros elétricos, rádio com entrada USB e potência de 75 cavalos de força. Óbvio, a lista dos adicionais desse modelo é bem curta. Ele não tem travas elétricas, direção hidráulica, ar-condicionado e limpador de vidro traseiro. O destaque desse modelo realmente é o seu preço acessível e sua economia.

Para quem quer gastar menos de 30 mil reais em um carro e busca um veículo zero, será necessário realizar certas concessões, e aceitar modelos como o Smile, com motor 1.0 e sem adicionais de fábrica. Agora, para quem não possui mais dinheiro, mas também não quer um carro tão simples, uma boa alternativa são os modelos seminovos, mesmo que a compra de um carro usado deve ser feita com alguns cuidados específicos.

Deve-se analisar o automóvel minuciosamente, pedir para o dono para realizar um test-drive, ver a quilometragem do veículo e aí então se decidir sobre a compra. Tomando esses cuidados, você pode acabar comprando um Honda Fit ou Citroën C4, uma EcoSport ou um Gol, em versões dos últimos anos, carros com maior potência e maior conforto do que um modelo econômico sem adicionais.

Até 40 mil reais

Para quem poder ir além do limite anterior e está disposto a gastar até R$ 40.000,00, as escolhas já se tornam mais diversas. Um carro recente no Brasil, mas já adotado pela população, é o Hyundai HB20, que na sua versão mais barata tem um preço em torno dos 39 mil reais, com um motor 1.0 Flex. Embora não seja muito potente, é o suficiente para quem planeja utilizar o carro apenas no ambiente urbano.

Para quem está interessado em outros modelos de montadoras asiáticas que são econômicos e recentes no Brasil incluem o Lifan 530 (sedã), o Chery Celer (hatch), o Jac J3S Pack 1 (hatch) e o Nissan March 1.0 Conforto (hatch).

Também está dentro dessa faixa de preço outro queridinho dos motoristas brasileiros, esse está nas graças da população há anos. É o Gol, da Volkswagen. O Gol substituiu o lugar do Up! como o veículo de entrada da montadora no mercado brasileiro. No Gol Trendline, a sua versão de entrada, não há ar-condicionado, porém, há direção hidráulica, vidros e travas elétricas. Para quem está interessado no ar-condicionado, deve desembolsar um adicional em torno de três mil reais.

Até 50 mil reais

Aqui entramos no limiar entre os carros populares e os mais exclusivos. Da mesma forma, com um limite de até R$ 50.000,00, já podemos encontrar modelos zero com motores mais potentes e que oferecem mais conforto aos seus ocupantes.

Logo acima do limite de 40 mil reais, encontramos o Kia Picanto. O seu motor de três cilindros ainda é 1.0, porém ele oferece uma série de adicionais, como ar-condicionado, direção elétrica, banco traseiro bipartido, rádio com Bluetooth, vidros e travas elétricos, e volante multifuncional. Também é importante notar que o Picanto é um modelo hatch com bastante espaço interno para ocupantes e um largo porta-malas.

Também aqui encontramos os primeiros sedãs. Os modelos considerados sedãs compactos, são modelos acessíveis e econômicos, podendo ser encontrados dentro do nosso teto de 50 mil reais. Exemplos são o Logan da Renault, que na sua versão Dynamique oferece ar-condicionado, sistema multimídia com touchscreen e sensor de estacionamento, tudo isso por menos de 45 mil reais.

A Toyota é uma marca que se consagrou no Brasil com o Corolla, um dos líderes absolutos entre os sedãs e um dos modelos mais vendidos no país. Porém, ela também está mirando o mercado dos sedãs mais populares. Aqui entra o Toyota Etios na sua versão sedã. Ele é um modelo compacto, fácil de utilizar na cidade, é um modelo econômico, com boa dirigibilidade (ele tem o peso bem-distribuído entre os eixos, o que garante o controle do motorista sobre o veículo) e equilibra tudo isso com a potência do seu motor 1.5.

Economia e segurança

Caso você esteja interessado em não apenas adquirir o seu carro, mas garantir a proteção dele, dê uma olhada no Plano de Benefícios Automotivos da Facility. É toda proteção automotiva que você precisa, a uma ligação de distância.

2017-11-03T13:37:44+00:00