As utilidades do rastreamento veicular

A tecnologia é algo que afeta diretamente o trânsito, estando nós conscientes dela ou não. E uma das maiores evoluções tecnológicas dos últimos anos foi o desenvolvimento da tecnologia da informação. Ela inclui a internet, os celulares e, é claro, os sistemas de rastreamento veicular, como o GPS. Essa tecnologia e como ela afeta o trânsito é o assunto do nosso artigo de hoje. Saiba mais lendo abaixo.

Como funciona a tecnologia

A tecnologia por trás dos sistemas de rastreamento veicular é composta de diferentes elementos, cada qual cumprindo um papel específico. Para o sistema funcionar devidamente, é preciso que esses elementos estejam funcionando e, além disso, agindo em sincronia. Assim como um relógio mecânico, é importante não apenas que as engrenagens girem, mas que elas girem em harmonia para o relógio funcionar.

Esses três elementos são: o GPS, o servidor e a interface do usuário.

O GPS tem sua função explicada pelo próprio nome. Ele vem do inglês Global Positioning System, ou Sistema de Posicionamento Global. É um equipamento que utiliza a informação que vem de satélites para localizar o lugar exato que algo ou alguém está ocupando na superfície da Terra. É uma tecnologia amplamente utilizada há vários anos e recentemente se tornou mais popular devido aos smartphones. Desde o começo da sua utilização ela se mostrou muito útil para rastrear veículos.

Após o GPS, vem o servidor. O servidor é como um grande computador que armazena e disponibiliza informações a quem tem acesso a ele. O servidor é que irá receber a informação registrada pelo GPS. O equipamento de GPS te localiza e passa esse dado ao servidor.

Depois do servidor, vem a parte com que o consumidor realmente interage. A interface do usuário é o que você vê no seu carro. Muitas vezes a interface apresenta-se de forma gráfica através de um mapa no qual você é situado através de um ponto. Através dessa interface é que você interage com o sistema de GPS e decide a quais informação você quer ter acesso. Além do posicionamento geográfico do carro, muitos desses sistemas oferecem outras informações, como o clima, velocidade do vento, notícias sobre o trânsito e assim em diante.

Fazendo uso dos recursos

Entre as primeiras organizações a adotarem os sistemas de rastreamento veicular estiveram as empresas que trabalham com transporte e logística. Além de oferecer a segurança de sempre saber onde está o veículo, essa tecnologia eventualmente possibilitou essas empresas a oferecerem novas funcionalidades, como permitir que seus consumidores fossem informados em tempo real sobre a localização da sua entrega.

O transporte público também se beneficiou com essa tecnologia. Ela permite que os governos tenham um controle mais eficiente do uso dos veículos públicos, do cumprimento das rotas e da eficiência com qual essas rotas são cumpridas. Essa informação também pode ser disponibilizada a um usuário, criando um sistema onde a pessoa que quer pegar um ônibus ou um trem pode, através do seu celular, saber o quanto terá que esperar até o veículo chegar na sua parada.

Por último, serviços de transporte privado, como Uber e Lyft, só se tornaram possíveis por causa dessa tecnologia. Foi necessário que, além de serem desenvolvidos sistemas de GPS, fossem desenvolvidos sistemas de GPS compactos que pudessem ser integrados aos smartphones.

Esses GPS, em conjunto com redes de comunicação 3G e 4G, permitiram que fossem desenvolvidos serviços onde um usuário em qualquer lugar pode entrar em contato com um motorista em tempo real e chamá-lo até o seu local. Além disso, a rota pode ser pré-estabelecida, fazendo com que o motorista não possa enganar o passageiro, assim como os dados das rotas feitas ficam armazenados no servidor da empresa para serem posteriormente conferidos.

A escala da tecnologia

Outros usos da tecnologia de rastreamento de veículos incluem a recuperação de veículos roubados, acompanhamento em tempo real de cargas valiosas ou perecíveis, controle do uso da frota de veículos da empresa por parte dos empregados, facilitação da localização de funcionários que precisam visitar clientes, rastreamento de veículos durante o test-drive, monitoramento da eficiência do uso de combustível, cálculo da distância percorrida por um veículo ou uma frota, etc.

É uma tecnologia com enorme potencial e que está cada vez mais complexa. Já há sistemas de GPS que oferecem várias informações sobre o veículo além da sua posição geográfica, como o status do motor, nível de gasolina, se as portas estão trancadas e etc. É um mundo inteiro de possibilidades que o rastreamento veicular permite e que com o passar do tempo vai se desenrolando.

Proteção e praticidade

Os sistemas de rastreamento veicular têm um grande potencial em aumentar a segurança e praticidade na vida dos motoristas. Caso você esteja interessado em outras formas de facilitar a sua vida e garantir sua proteção, dê uma olhada no Programa de Benefícios Automotivos da Facility e veja como podemos facilitar sua vida. Para ver o quão acessível são todos esses benefícios, faça uma simulação gratuita no nosso site.

2017-11-13T16:03:40+00:00